ESTE BLOG VISA A DIVULGAÇÃO DA DOUTRINA DOS ESPÍRITAS DAS RELIGIÕES ALLAN KARDEC, UMBANDA E CANDOMBLÉ .
TODAS AS POSTAGENS AQUI NÃO TEM A INTENÇÃO DE INFLUENCIAR NINGUÉM EM SUA BUSCA RELIGIOSA. QUE ESTE BLOG SIRVA DE PESQUISAS, BATE PAPOS E TROCA DE IDÉIAS...

Umbanda Campinas tem objetivo de divulgar endereços de Centros de Umbanda e Centros Espírita e Centros (roças) de Candomblé.
Abrimos espaço para a divulgação de Centros, seja de Umbanda Candomblé, Centros Espíritas Allan Kardec e Centros de Quimbanda, matérias e artigos.
Aqui está o maior Blog do interior do Estado de São Paulo, localizado na cidade de Campinas-SP.
aqui você pode divulgar suas informações coisa tudo sobre as religiões Afros Brasileiras e também coisas sobre o Kardecismo.
Bom, aqui há vários artigos de umbanda para aprimorar e conhecer mais sobre Umbanda e Candomblé , além disso o Umbanda Campinas tem rádio no Blog e Sala de bate Papo para nós comentarmos Sobre esse Assunto Das Religiões Espíritas de Campinas.

Arquivos do blog Umbanda Campinas

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Acusação



Eu, que não sou ele, acuso meu ego das seguintes burrices:
    Esse ego, não sou eu. Esse corpo, não sou eu.
    Esses desejos e emoções, não sou eu. Esses pensamentos, não sou eu.
    Eu sou vida e mente, criado pela infinita mente vivente que chamo Deus.
    Minha vida e mente não estão separadas da Dele.
    Vida e mente são uma só.

  • De tentar ser alguma coisa , dentro dos limites de seus pensamentos, ambições e desejos.

  • De ser competitivo e de procurar ser melhor do que os outros egos; de querer triunfar no que ele julga ser vida e de ter compromisso com o sucesso; de querer se auto-afirmar; de acreditar na derrota e, por isso, sentir-se na obrigação de estar continuamente lutando.

  • De ser extremamente instintivo e de comportar como qualquer animal, sempre em função dos seus instintos de auto-afirmação, sobrevivência e sexual.

  • De acreditar que pode ser proprietário de pessoas e coisas.

  • De se apegar a uma falsa moralidade que ele mesmo criou como conseqüência de seus apegos às pessoas, idéias e coisas.

  • De ter um "amor" limitado a pouquíssimas pessoas, coisas e animais de estimação, e de tentar construir, a partir desse "amor" limitado, um paraíso que sempre se transforma num verdadeiro inferno.

  • De tentar construir um mundinho só seu, particular, cercado por uma intransponível muralha de isolamento, de onde pretende exercer o máximo possível de poder e influência sobre outros egos que julga especiais - familiares, amigos, amantes, inimigos, etc. - ou julga inferiores a ele - empregados, humildes, pessoas que ele discrimina, etc.

  • De acreditar, com convicção, na sua falsa moralidade e em todos os valores mundanos criados, ao longo de milênios, por ele mesmo.

  • De se opor terminantemente a deixar de lado a culpa, a inveja e o medo de perder.

  • De só conseguir perdoar para se sentir superior e sempre da boca para fora, nunca no coração.

  • De acreditar na morte e de ficar inventando uma série de teorias sobre o assunto, em função da necessidade que tem em dar continuidade à sua estúpida vida.

  • De tentar me fazer acreditar que eu sou o meu corpo, o que é mentira; de que eu sou meus desejos e emoções, o que é mentira; e de que eu sou meus pensamentos, o que também é mentira.

  • E o mais grave: de tentar me convencer de que eu sou ele.

  • Nenhum comentário:

    Atenção!

    O Artigo Que você Clica Irar Aparecer La em Baixo !

    Sala De Bate Papo Umbanda Campinas